terça-feira, 23 de fevereiro de 2016

Delcídio nega delação e ameaça ao Senado

Segundo a coluna Painel, da Folha de São Paulo, o senador Delcídio do Amaral, que ficou 87 dias presos na Polícia Federal negou que esteja disposto a fazer delação premiada. Segundo ele, "Não há delação premiada alguma, minha defesa é boa, será feita nos Tribunais Superiores".
O senador ainda refutou qualquer ameaça contra seus pares. Disse ele: "não sou uma Brastemp, mas não sou burro nem louco de botar o Senado contra mim".
Leia também: Senadores cobram esclarecimentos sobre declaração atribuída a Delcídio do Amaral

Nenhum comentário:

Postar um comentário