sexta-feira, 26 de fevereiro de 2016

Pleno do TCE julgará pedido de auditoria na Assembleia

foto: Ana Silva

Transparência
A Assembleia Legislativa Potiguar anda na berlinda. Resolveu ser transparente e açodou a curiosidade da sociedade e do Ministério Público de Contas. 

Resultado...
O MPContas quer investigar a situação funcional na Casa do Povo. 
Segundo o pedido do procurador geral em exercício, Thiago Martins Guterres, há no Legislativo Estadual 379 cargos de provimento efetivo e 2.592 de livre nomeação e exoneração, o que denota uma “notória desproporção”. 

Além disso, 
o Portal da Transparência do órgão mostra um crescimento exponencial entre os exercícios de 2011 e 2016, com a criação de 1.756 novos cargos, “amplificando-os, por esta via, ao percentual de 86% do seu quantitativo global de funcionários ativos”.

Decisão
O conselheiro Gilberto Jales irá relatar o processo que depois será submetido ao Plenário do TCE, a quem cabe decidir pela continuidade da auditoria requerida.

Nenhum comentário:

Postar um comentário