segunda-feira, 21 de março de 2016

Celso de Mello acolhe pedido para investigar Mercadante, Aloysio Nunes e Haddad

O decano do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Celso de Mello, acolheu pedido do procurador-geral da República, Rodrigo Janot, para investigar o ministro da Educação Aloizio Mercadante, o senador Aloysio Nunes (PSDB) e o prefeito de São Paulo Fernando Haddad. 
Também foi solicitada investigação contra o ex-governador do Rio de Janeiro Sérgio Cabral, o ex-senador Hélio Costa, do PMDB de Minas Gerais, e o ex-deputado federal Valdemar da Costa Neto (PR). 
Os pedidos foram feitos com base em informações provenientes de uma delação premiada. 
As suspeitas são de “prática de crime de corrupção passiva ou de falsidade ideológica eleitoral e de lavagem de dinheiro, em concurso de pessoas”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário