sábado, 12 de março de 2016

Convenção Nacional do PMDB começa com discursos pelo afastamento do governo federal

Foto: (Filipe Matoso/G1)
Brasília (DF) – O PMDB realiza neste sábado (12), em Brasília, a sua Convenção Nacional, com o tema “Unidos pelo Brasil”. 
Os 454 convencionais do Partido, com direito a 655 votos, deverão eleger a nova Executiva Nacional e reconduzir Michel Temer à presidência da sigla. 
A maior expectativa é sobre a decisão que poderá ser tomada, de permanência ou saída do PMDB do governo Federal. 
O vice-presidente do PMDB, senador Valdir Raupp (RO), defendeu a independência com apoio aos projetos do governo. “Eu defendo a saída e a entrega dos cargos, mas não deixe de dar apoio a projetos importantes para o pais”, disse. 
Ontem, Eunício Oliveira (CE), líder no Senado e um dos principais aliados da presidente Dilma Rousseff, admitiu que a petista corre o risco de não encerrar o mandato diante do agravamento das crises ética, política e econômica.
O peemedebista admitiu que o vice-presidente Michel Temer (SP), que será reeleito para o comando da legenda, e o partido estão prontos para assumir o governo em caso de afastamento de Dilma.

Nenhum comentário:

Postar um comentário