segunda-feira, 21 de março de 2016

Fachin se declara impedido de julgar habeas corpus de Lula

O ministro Edson Fachini, do STF, declarou-se impedido de julgar o pedido de habeas corpus para cancelar a decisão de Gilmar Mendes de suspender a posse do ex-presidente Lula, por ter relação com “um dos ilustres patronos subscritores da medida”, sem citar nomes. 
Agora, o caso será submetido a sorteio no STF para escolher um novo relator.
Foram dois HCs sobre Lula distribuidos para Fachin. Um, ele negou. O mais importante, assinado por juristas, ele devolveu por suspeição.
Atualizado às 16:39

Nenhum comentário:

Postar um comentário