terça-feira, 29 de março de 2016

Senador José Agripino palestra na FecomercioSP e fala em "calote inevitável"

Cenário nebuloso 
O senador José Agripino (DEM) foi nesta segunda-feira (28) a Fecomercio de São Paulo para falar sobre o cenário econômico do país. Como era de se esperar, "pintou um quadro" de salve-se quem puder. 
O governo da presidente Dilma perdeu o controle da situação. Além de todos os danos causados na nossa economia, não há condições de governabilidade porque ela perdeu a capacidade de dialogar com a classe política. Então, ou muda o governo ou o calote torna-se inevitável e o Brasil não honrará os compromissos”, opinou.

O PIB na platéia 
A palestra do senador foi acompanhada pelo empresário Flávio Rocha, CEO do Grupo Guararapes-Riachuelo. 
Que aplaudiu!

Pelo impeachment
A propósito, o Conselho Superior de Direito da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (FecomercioSP), presidido pelo jurista Ives Gandra Martins, declarou seu apoio à Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) para o pedido do processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff. 


Tem mais
Como alguém ganha na crise, o mercado  popularmente chamada de “atacarejo” deve um crescimento junto as famílias brasileiras que varia de 5% a 10% nas redes atacadistas, segundo o Sindicato do Comércio Atacadista de Gêneros Alimentícios no Estado de São Paulo (Sagasp), filiado à FecomercioSP.

Ganhou
Na rede Assaí Atacadista, a alta chegou a 25,5%. Esse aumento foi observado na comparação com a movimentação registrada em 2014. “Notamos uma mudança no hábito do consumidor, e o segmento de atacado de autosserviço vem se consolidando como uma alternativa econômica no abastecimento das famílias”, diz o presidente do Assaí Atacadista, Belmiro Gomes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário