segunda-feira, 4 de abril de 2016

Comissão de Impeachment rejeita questão de ordem questionando defesa de Dilma pelo AGU

A Comissão de Impeachment que analisa processo contra a presidente Dilma Rousseff vai ouvir hoje o Advogado Geral da União, José Eduardo Cardozo, às 17h.
Cardozo fará a defesa da presidente e pedirá o arquivamento do processo por ausência de fundamento jurídico. Ele vai alegar “suspeita de desvio de finalidade” na aceitação da denúncia, que teria ocorrido por um ato de “vingança” do presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha.
Alguns deputados questionaram a utilização do Advogado da União para esse fim. 
Depois de muito bate-boca, o presidente Rogério Rosso (PSD-DF) rejeitou a questão de ordem dizendo que não pode "interferir na prerrogativa da denunciada de indicar sua defesa nesta Comissão".

Nenhum comentário:

Postar um comentário