quarta-feira, 17 de agosto de 2016

Danos ao patrimônio público causam prejuízos à população natalense

Educação doméstica
As ações dos vândalos atingem diretamente todos cidadãos e contribuintes da capital potiguar. Os danos causados pelos vândalos ao patrimônio público são arcados pelas secretarias por meio de taxas e impostos cobrados da sociedade.
A Secretaria Municipal de Serviços Urbanos (Semsur) gastou, só nos meses de janeiro e fevereiro, aproximadamente R$ 40 mil na orla de Ponta Negra para restaurar danos com relação a extravios de torneiras, cubas e chuveiros dos banheiros públicos.
Já os gastos causados por ações criminosas como furtos e quebra de lâmpadas e luminárias, de cabos de iluminação e de refletores giram entre R$ 45 mil e R$ 55 mil por mês.

Nenhum comentário:

Postar um comentário