terça-feira, 9 de agosto de 2016

Lei de licitações


O governo Michel Temer já bateu o martelo sobre como quer alterar a polêmica Lei de Licitações (8.666/1993), e um novo projeto pode ser votado nesta quarta-feira (10/8) em comissão especial e, na próxima semana, no plenário do Senado, conforme a expectativa do relator, senador Fernando Bezerra Coelho (PSB-PE). Entre as novidades polêmicas, está a exigência de que as empresas contratem um seguro para garantir a entrega, no qual a seguradora fiscalizaria o cumprimento dos contratos e poderá assumi-los em caso de a obra parar. O ponto é apoiado por especialistas como o jurista Modesto Carvalhosa, mas é alvo de críticas pelas construtoras, que não querem correr o risco de perder contratos quando houver problemas. 
As informações são do jornal O Globo.
fonte:Conjur

Nenhum comentário:

Postar um comentário