sábado, 12 de novembro de 2016

Raio-X da crise no RN


Para não afirmarem que estou falando sozinha sobre recursos no caixa do Tesouro Estadual, publico depoimento de Arnaldo Fiúza, funcionário da Secretaria da Tributação, em sua página no Facebook.

Eis... 
foto:Adriano Abreu/TN
Servidores protestam contra salário atrasado no RN

"Conforme dados oficiais, já entraram nos cofres do Governo do RN, até a data de ontem, 10 de novembro, cerca de 500 milhões de reais, entre receitas próprias e FPE, quantia mais que suficiente para pagar duas folhas salariais líquidas, englobando ativos, aposentados e pensionistas, descontados o Imposto de renda e a contribuição previdenciária, bem como os salários dos professores, que são bancados com recursos do Fundeb.

Mesmo diante deste quadro financeiro, o Governo Robinson, conforme calendário divulgado, só concluirá o pagamento do salário de outubro no final do mês, em total desrespeito aos servidores públicos, que têm seus compromissos financeiros e estão tendo que suportar encargos moratórios, juros e multa, por não conseguirem quitá-los tempestivamente.

Lembro que ao contrário do que está sendo amplamente divulgado pelo Governo Robinson, a frustração de receitas no exercício 2016 é bem menor e que a situação financeira do RN, apesar de longe de ser a ideal, é muito melhor do que a de vários outros Estados brasileiros, mas mesmo assim estamos vivenciando aqui o maior atraso, no país, quanto ao pagamento salarial de servidores públicos. 

Em vários Estados mais pobres até que o nosso Rio Grande do Norte, a folha salarial dos servidores está em dia, como bem informa a reportagem divulgada no site do globo no dia de hoje http://especiais.g1.globo.com/…/raio-x-da-crise-nos-estados/ demonstrando com isto que tal atraso não advém meramente de problema de caixa, mas de não se eleger como prioridade o pagamento de seus funcionários, gerando um impacto danoso não somente a estes, mas também às empresas potiguares, que têm suas vendas diminuídas por falta destes recursos que não estão circulando na economia do Estado. 

Até quando esta situação de descaso perdurará, os servidores públicos do RN não sabem, mas uma coisa está ficando pública e notória, o descompromisso do atual governador com quem ajudou elegê-lo. 

É bom o Governador se lembrar que, em menos de dois anos, novas eleições advirão e hoje os penalizados servidores públicos serão os eleitores e juízes de seu governo. 

O tempo e o voto darão a Robinson a resposta adequada ao seu descompromisso com os servidores estaduais." 

Saravá!!!!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário