quarta-feira, 18 de janeiro de 2017

Governo libera mil homens das Forças Armadas para atuarem em presídios

O Governo Federal vai liberar pelo menos mil homens do Exército, da Marinha e Aeronáutica para atuar nos presídios de todo o país. 

Segundo o ministro da Defesa, Raul Jungmann, as forças estarão prontas para entrar em ação no prazo de oito a dez dias e o efetivo poderá ser ampliado conforme a demanda dos estados. 

Serão empregados militares que já atuaram em operações de varredura e segurança realizadas durante a Copa do Mundo e os Jogos Olímpicos, sempre que possível deslocados de outras unidades da federação, para garantir a segurança das equipes e evitar a “contaminação” da operação.

Ontem, o presidente Michel Temer determinou criação de comissão para reformar o sistema penitenciário e pediu maior integração entre setores de inteligência.

Nenhum comentário:

Postar um comentário