segunda-feira, 12 de junho de 2017

Nuplam busca credenciamento para atuação internacional

Representantes do Núcleo de Pesquisa em Alimentos e Medicamentos (Nuplam), unidade suplementar da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), participaram no último dia 1º de reunião na sede da Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS), em Brasília, com vistas ao credenciamento junto à Organização Mundial da Saúde (OMS). 

Uma nova etapa do processo acontecerá em agosto, quando os laboratórios públicos irão apresentar seus portfólios e demonstrar condições para o credenciamento que permite o atendimento de demandas internacionais para a produção de medicamentos.

De acordo com o diretor do Nuplam, professor Carlos José de Lima, o credenciamento eleva a importância do laboratório e contribui para atingir a missão de produzir medicamentos visando à promoção da saúde pública. 

Atualmente, o Nuplam produz comprimidos de Olanzapina, substância utilizada no tratamento da esquizofrenia, por meio da política de Parcerias para o Desenvolvimento Produtivo (PDPs), estimulada pelo Ministério da Saúde (MS), com transferência de tecnologia da empresa EMS. 

Mais de 18 milhões de comprimidos já foram produzidos desde dezembro de 2016 e distribuídos às secretarias de Saúde de 15 estados brasileiros.

Nenhum comentário:

Postar um comentário