segunda-feira, 3 de julho de 2017

Suborno:o homem sem limites

A Lava-Jato revelou o lado sem limites de Sérgio Cabral: a Operação Ponto Final mostrou que o ex-governador recebia uma premiação toda vez que aprovava o aumento das passagens. 
Foram R$ 122 milhões em seis anos, até ser preso, em 2016.

Nenhum comentário:

Postar um comentário