quinta-feira, 10 de agosto de 2017

Supremo rejeita aumento de salário em 2018

O Supremo Tribunal Federal (STF) aprovou nesta quarta-feira, 9, por 8 a 3 a proposta orçamentária de 2018 sem a previsão de um reajuste de 16,38% do salário dos ministros.

A decisão contraria reivindicação de associações de procuradores e juízes, que almejavam o reajuste.

Agora, a proposta, elaborada pela equipe da presidente do STF, ministra Cármen Lúcia, será encaminhada ao Ministério do Planejamento.

Nenhum comentário:

Postar um comentário