Carnaval Multicultural Natal 2018

segunda-feira, 15 de janeiro de 2018

CMN extingue e cria cargos

Seis por meia dúzia
A Mesa Diretora da Câmara Municipal do Natal mexeu no organograma da Casa e com uma mão extinguiu 448 cargos de Assessor Parlamentar Municipal (APM).
Com a outra, criou 450 cargos de assessoramento, alguns com autorização para trabalhar fora das dependências da CMN e mais 30 Gratificações de Função Comissionada.
Um número bastante significativo de servidores. A CMN possui 30 vereadores.

Tem mais
As Gratificações Comissionadas, metade de nível superior e metade médio, podem ser atribuídas a servidores da Câmara ou a agentes públicos externos.
Os Assessores receberão de R$8 a R$1,5 mil e as funções comissionadas de R$4 a R$2,1 mil.
O maior cargo do legislativo, Diretor Geral da Câmara, vai receber R$10.800 e o menor, a Secretaria da Ouvidoria, R$1,050 mil.

Valores
As despesas só a nível de Direção, Gerencia e Assessoramento custarão R$ 238.047,00
O quadro de agentes em comissão vai consumir outros R$ 137.700,00. A Procuradoria R$19,5 mil e a Ouvidoria R$31,100 mil e a Guarda Legislativa R$3,350 mil.

A “mudança” vai custar R$428 mil reais.

Tribuna do Norte de 12 de janeiro

Nenhum comentário:

Postar um comentário