Prefeitura do Natal

sábado, 12 de maio de 2018

Defesa de Robinson na Operação Anteros feita por bacharéis de SP

Resultado de imagem para robinson faria
Vazamento 
A defesa de Robinson Faria questionou no Superior Tribunal de Justiça o suposto vazamento de informações sigilosas, inclusive vídeos captados em ação controlada, para a imprensa, relativos à Operação Dama de Espadas e seu desdobramento Operação Anteros. 

Na quinta-feira, 10, o relator da matéria, ministro Raul Araújo, disse que a “eventual investigação do suposto vazamento não deve atrasar o andamento da persecução penal” e deu prazo de 15 dias para o governador apresentar sua defesa. 

Detalhe 
Aliás, nessa ação penal 880 onde Robinson Faria é réu juntamente com Magaly Cristina da Silva e Adelson Freitas dos Reis, a banca de advogados que defende o governador é composta por 14 bacharéis. 13 deles com OAB de São Paulo, outro com registro no Distrito Federal. 

Os outros réus ficaram com a prata da casa, praticamente.
Coluna Rosalie Arruda

Nenhum comentário:

Postar um comentário