Prefeitura do Natal

terça-feira, 24 de julho de 2018

Corpo da estudante de Medicina assassinada em Manágua aguarda traslado

Raynéia Gabrielle Lima, estudante pernambucana morta na Nicarágua
Até as 17h desta terça (24), a mãe da pernambucana Raynéia Gabrielle Lima, 31, assassinada na noite dessa segunda (23) em Manágua, capital da Nicarágua, não tinha informações sobre o traslado do corpo e o enterro da filha. "Ninguém entrou em contato comigo além do ex-sogro dela, que me deu a notícia sobre sua morte. Não tenho nenhuma informação", ressaltou.
Raynéia foi baleada por volta das 23h dessa segunda quando voltava para casa, na cidade de Manágua, que enfrenta uma forte onda de protestos contra o governo de Daniel Ortega. 
Ela estava sozinha no carro, mas o namorado vinha no veículo de trás. Atingida com um tiro de grosso calibre no peito, foi levada pelo namorado ao Hospital Militar, morrendo duas horas mais tarde. O carro teria recebido vários disparos. de metralhadora.
Com informações da Folha de Pernambuco.

Nenhum comentário:

Postar um comentário