Prefeitura do Natal

Prefeitura de Parnamirim

quarta-feira, 18 de julho de 2018

Negado pedido de liberdade de Eduardo Cunha no processo da condenação no caso do Porto Maravilha

Resultado de imagem para eduardo cunha
A presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), ministra Laurita Vaz, negou pedido de liberdade feito pela defesa do ex-deputado Eduardo Cunha no caso que envolveu o pagamento de propina nas obras do Porto Maravilha, investigado na Operação Sepsis.
A alegação da defesa de excesso de prazo na prisão preventiva do ex-presidente da Câmara dos Deputados não foi suficiente para justificar a concessão de liminar para a sua liberdade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário