sábado, 13 de abril de 2019

Diesel e Greve

Pelo andar da carruagem... a expectativa é de que antes do meio do ano o preço da gasolina ultrapasse os R$5 em Natal.
E a gente aceita, placidamente.
Falar nisso... depois do telefonema do presidente Bolsonaro para o presidente da Petrobras, Roberto Castello Branco, o reajuste do diesel foi adiado. 

A companhia disse que “revisitou sua posição de hedge e avaliou ao longo do dia, com o fechamento do mercado, que há margem para espaçar mais alguns dias o reajuste no diesel”. 

O temor do presidente Bolsonaro era de que o aumento no combustível deflagrasse uma indesejada greve de caminhoneiros.

Atual
De acordo com o levantamento da ANP, o valor do litro da gasolina avançou 1,%, de R$ 4,358 para R$ 4,402. O preço do litro do diesel subiu 0,06%, de R$ 3,549para R$ 3,551. Nesta semana, o governo se envolveu numa polêmica com o preço do diesel praticado nas refinarias.

Nenhum comentário:

Postar um comentário