terça-feira, 28 de maio de 2019

Após pedido de Bolsonaro, Senado aprova MP que reduz ministérios mas Moro perde o Coaf

Plenário do Senado Federal durante sessão deliberativa ordinária. Ordem do dia.   À mesa, presidente do Senado Federal, senador Davi Alcolumbre (DEM-AP), conduz sessão.  Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado
O Plenário do Senado aprovou, em votação simbólica, o texto-base da MP 870 que reduziu ministérios e reorganizou a estrutura administrativa federal. 
Os quatro destaques que mantinham o Coaf no âmbito do Ministério da Justiça, de Sérgio Moro, foram rejeitados.
Em carta enviada ao Senado e lida pelo presidente da Casa, Davi Alcolumbre, o presidente da República, Jair Bolsonaro, pediu aos senadores a aprovação da MP 870 da forma com que saiu da Câmara.
Agora, a MP vai à sanção presidencial.

Nenhum comentário:

Postar um comentário