sexta-feira, 31 de maio de 2019

Chantagem explicita

Na tentativa de reaquecer a economia, Paulo Guedes afirmou ontem que o governo estuda liberar dinheiro de contas ativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço, o FGTS. A medida está condicionada, segundo o ministro do governo Jair Bolsonaro, à aprovação da reforma da Previdência no Congresso

Nenhum comentário:

Postar um comentário