quinta-feira, 19 de setembro de 2019

A minirreforma eleitoral

No fim da noite de ontem, a Câmara aprovou um projeto de reforma eleitoral que, caso sancionado pelo presidente Jair Bolsonaro, passa a valer já para o pleito municipal de 2020.

leia mais

No começo do mês, os deputados haviam aprovado um projeto com pontos que dificultariam a fiscalização das contas eleitorais. Sob pressão, o Senado derrubou quase toda a proposta. A Câmara então votou um novo texto, mais suave do que o primeiro, mas ainda com alguns benefícios para os partidos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário