sexta-feira, 22 de novembro de 2019

A dica é da jornalista Fernanda Gentil


Transcrevo como "lição" de jornalismo para todos nós!!!




"Um furo não vale a vida, uma manchete não vale uma amizade. Em nenhuma circunstância. Sobre nenhum assunto. Antes de sermos jornalistas somos pessoas, com as mesmas dores e delícias das pessoas sobre as quais falamos. 

Já errei falando dos outros porque não chequei a notícia antes de ler em rede nacional. Morri de arrependimento. Liguei, me desculpei. Corrigi também em rede nacional. E aprendi mais ainda que cada linha e cada vírgula têm uma importância imensa, principalmente quando falamos de gente, e não de coisas. Nenhuma “morte” é tão urgente que não mereça mais uma apuração. E toda e qualquer vida é mais importante do que um mero clique. 

Desde que o mundo é mundo a pressa é inimiga da perfeição. Provavelmente a manchete mais importante da nossa carreira não vai ser sobre uma morte. Mas ela certamente vai atrapalhar a vida de muita gente. Então que a gente cuide mais uns dos outros, que respire, releia e sonde antes com calma. O mundo não vai acabar. Muito pelo contrário - o dia seguinte há de chegar; tanto pra quem lê, como pra quem escreve."

Fernanda Gentil pelo Instagram 


Nenhum comentário:

Postar um comentário