segunda-feira, 18 de novembro de 2019

Bompreço da Prudente dispensou quase 100 empregados

Fantasma
Volta e meia o Governo Federal retoma a pauta do aumento de impostos. O secretário Rogério Marinho não descarta a criação de um novo tributo, semelhante à antiga CPMF, para desonerar as folhas de pagamento das empresas. “A ideia é que possamos diminuir ainda mais o custo de contratação de trabalhadores de baixa renda no Brasil para aumentar a empregabilidade”, defendeu em entrevista à Rádio Eldorado.



Desempregados
O fechamento do Hiper Bompreco da avenida Prudente de Morais levou para o auxílio desemprego” cerca de 100 trabalhadores. Poucos funcionários foram aproveitados na loja da Avenida Ayrton Senna.

Coluna Rosalie aRRUDA
tRIBUNA DO NORTE

Nenhum comentário:

Postar um comentário