sexta-feira, 24 de abril de 2020

Aras pede inquérito contra Bolsonaro

Bolsonaro dá posse a Aras e pede colaboração com 'boas políticas ...
Bolsonaro, Aras e Moro
O procurador-geral da República, Augusto Aras, pediu ao Supremo Tribunal Federal autorização para abertura de inquérito para investigar as acusações do ex-ministro Sérgio Moro contra atos do presidente Jair Bolsonaro.
As denúncias foram ditas nesta sexta-feira, 24, durante o anúncio do pedido de demissão do cargo. 
Aras quer que o ex-ministro seja ouvido no inquérito, para apresentar manifestação detalhada sobre os termos do pronunciamento e documentação idônea que possua.
Se comprovadas as denúncias, vários crimes poderão ser atribuídos ao presidente, como falsidade ideológica, coação, advocacia administrativa, obstrução de justiça, corrupção e calúnia, injuria e difamação.

Nenhum comentário:

Postar um comentário