sábado, 13 de junho de 2020

Empresário diz já ter usado R$ 24 mi do Consórcio NE para comprar insumos e fabricar respiradores

Empresário diz já ter usado R$ 24 mi do Consórcio NE para comprar ...
Investigada pela Operação Ragnarok, a Hempcare prometeu devolver os R$ 48,7 milhões investidos pelo Consórcio Nordeste nos 300 respiradores mecânicos que foram adquiridos pelos estados nordestinos, mas não foram entregues. Porém, o ressarcimento da quantia ganhou um obstáculo.
Guedes diz ter interferido na Receita para barrar exportação de respiradores
Em entrevista exclusiva à TV Bahia, o empresário Paulo de Tarso, sócio da Biogeoenergy, empresa que fabricaria os equipamentos, declarou que gastou com insumos os cerca de R$ 24 milhões que recebeu de Cristiana Prestes, a dona da Hempcare, que intermediou o processo.
Paulo de Tarso afirmou que não devolverá o valor investido. O empresário pontua que gastou totalmente os R$ 24 milhões para poder começar a fabricar os respiradores e acusa o Consórcio Nordeste de não aceitar os equipamentos produzidos pela Biogeoenergy.
Veja aqui a matéria do G1BA

Nenhum comentário:

Postar um comentário