quarta-feira, 8 de julho de 2020

Centro de Enfrentamento para Covid-19 atende a 246 pessoas no 1º dia de atividade

O Centro de Atendimento para Enfrentamento da Covid-19, criado pela Prefeitura de Natal, está nesta quarta-feira (8) em seu segundo dia de operação. No dia de abertura, nesta terça-feira (7), a estrutura montada pela Prefeitura no Ginásio Nélio Dias, na Zona Norte, atendeu a 246 pacientes do Município.

No Centro, o público passa por triagem, consulta médica e realiza testes swab. Caso haja indicação médica, tem a oportunidade de iniciar um tratamento com prescrição médica e retirada dos remédios no próprio local. A estrutura também conta com sala de estabilização para primeiros-socorros, caso alguém necessite.

As pessoas devem comparecer com cartão SUS, CPF e comprovante de residência (em Natal). O Centro funciona de segunda a quinta-feira, das 8h às 16h, e às sextas-feiras das 8h às 12h, com acesso pelo portão 02 do ginásio. Cerca de 70 profissionais da saúde atuam dando orientação, prestando atendimento e examinando a população que teve contato com alguém acometido pela doença ou apresenta histórico de sintoma sugestivo para Covid-19, como febre, tosse ou dor de cabeça.

O processo tem início na triagem, onde casos assintomáticos e sintomáticos são divididos por cor (Verde, para pessoas assintomáticas; e Amarelo, para sintomáticas). Em seguida, cada pessoa é atendida por um médico, para avaliação do caso clínico e prescrição do exame, quando necessário, e ainda o início de um protocolo medicamentoso para tratamento e prevenção do coronavírus. Na terceira etapa, é feita a coleta da amostra ou retirada do remédio na farmácia para o tratamento em casa.

Quem compareceu no primeiro dia, aprovou a estratégia da Prefeitura com o Centro de Enfrentamento. "Meu atendimento foi tranquilo. O médico era muito bom e achei a estrutura bem organizada. Recebi a medicação e vou fazer meu teste também. Tudo aqui mesmo, num único lugar", elogiou Jorge José, 56, que há menos de uma semana passou a sentir febre e tosse.

"A finalidade aqui é expandir algumas das ações já desenvolvidas em nossa rede de atenção primária, como a disponibilização de medicamento e coleta de material para diagnóstico, tratamento precoce e profilático da doença. Como a Zona Norte é a região com mais índices de contágio na cidade e mostrou a necessidade de uma ação mais completa após o drive-thru de testagem que realizamos há duas semanas, decidimos criar o Centro de Atendimento para Enfrentamento da Covid-19 em Natal", relatou o secretário municipal de Saúde, George Antunes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário