segunda-feira, 14 de setembro de 2020

Sinmed-RN questiona na justiça desmonte do Ruy Pereira

Após pressão, Governo encerra polêmica e decide manter hospital Ruy Pereira
Peleja
O Hospital Ruy Pereira virou uma pedra no sapato do secretário estadual de saúde Cipriano Maia. Vira e mexe o fantasma volta a assombrar o governo. Em período eleitoral, o debate ficar mais produtivo. 
Agora, o Sindicato dos Médicos do RN (Sinmed-RN) e a Sociedade Brasileira de Angiologia e de Cirurgia Vascular (SBACV-RN) ingressaram na Justiça contra o que eles chamam de “desmonte” do hospital pelo governo. Em fevereiro de 2020, a SESAP iniciou a transferência dos serviços realizados no Ruy Pereira para o Hospital da Polícia Militar e João Machado que deverá ser transformado em Hospital Geral.
A Justiça Potiguar, mais uma vez, foi convidada para ser o fiel da balança.

Custo X Benefício
Nos corredores da SESAP se comenta, à boca miúda, que a secretaria tenta se livrar de uma estrutura velha e comprometida que desembolsa R$ 200 mil mensais.
Tribuna do Norte, 12 de setembro               

Nenhum comentário:

Postar um comentário