quarta-feira, 7 de outubro de 2020

Haddad: “podemos conviver com a extrema-direita por mais tempo do que se imaginava

Para o ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad (PT), o Brasil vive hoje sob a égide do Bolsonarismo, que se resume no fato de a extrema-direita ter encontrado um canal de comunicação para se expressar. 
Apesar de essa realidade estar associada ao atual presidente Jair Bolsonaro (sem partido), ela transcende sua figura e pode se instalar definitivamente no país com as eleições que se aproximam.
Lula diz que é "possível que o PT não tenha candidato à Presidência” em 2022"
“Podemos ter que conviver com a extrema-direita por um tempo mais longo do que seria imaginável há dez anos atrás. Eu, em 2016, modéstia à parte como cientista político, disse: a extrema-direita vem e vem para ficar. Não sei quanto tempo isso vai durar, mas ela encontrou um canal de expressão e quando isso acontece ela dificilmente sai de cena no curto prazo”, disse o ex-prefeito ao JOTA.

Nenhum comentário:

Postar um comentário