quarta-feira, 21 de outubro de 2020

Médico que participava dos testes da vacina de Oxford tomou placebo

O médico João Pedro Feitosa, 28 anos, que participava da pesquisa da vacina contra a Covid-19 da Universidade de Oxford, e teve a morte confirmada nesta quarta-feira, 21, tomou o placebo - ou seja, não recebeu uma dose do imunizante em desenvolvimento. 
As informações são da coluna Bem Estar, do G1.

Nenhum comentário:

Postar um comentário