quarta-feira, 10 de março de 2021

Auxílio emergencial: PEC que recria benefício é aprovada na Câmara dos Deputados em 1º turno


A Câmara dos Deputados aprovou, nesta quarta-feira (10), em 1º turno, a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) Emergencial 186/19, que permite ao Governo Federal pagar o auxílio emergencial em 2021 com R$ 44 bilhões por fora do teto de gastos. Foram 341 votos a favor, 121 contra e dez abstenções. 

O texto-base precisa ser votado em dois turnos, sendo necessários, pelo menos, 308 favoráveis em cada um deles. De acordo com o Governo, as parcelas do auxílio emergencial serão menores que as que foram pagas no ano passado, na primeira onda da pandemia. Os socialmente vulneráveis receberão de R$ 175 a R$ 375 durante quatro meses (março a junho).

A distribuição será feita da seguinte forma: R$ 375 (para a família monoparental chefiada por mulher); R$ 250 (casal); e R$ 175 (homem sozinho).

Diário do Nordeste

Nenhum comentário:

Postar um comentário