quinta-feira, 12 de agosto de 2021

Brasileiros encontram mutação e identificam variante Gama plus do coronavírus

Cientistas brasileiros do Projeto Genov, um dos maiores projetos de vigilância genômica da América Latina, descobriram uma mutação da variante Gama do coronavirus, antes chamada de P1, originada em Manaus e predominante no Brasil.

"A gente chama de Gama plus quando uma mutação que ela adquiriu acontece em alguma posição do genoma do vírus que indica algo de risco. Essas Gama plus têm uma mutação em um sítio de furina que é muito importante para a infecção viral na célula e que é uma mutação que já foi vista tanto na variante preocupação Alfa (Reino Unido) quanto na variante indiana (Delta)", explica José Eduardo Levi, coordenador do Genov e virologista da Dasa, em entrevista ao R7.

Levi acrescenta que "é certo" que essa mutação torna a variante Gama plus mais transmissível do que a Gama tradicional.

Nenhum comentário:

Postar um comentário