Home


Cai exigência de 'desnazificação', mas deposição de armas e desistência de Kiev de entrar na Otan são inegociáveis, assim como reconhecimento de Crimeia como russa e independência de regiões separatistas

O ministro das Relações Exteriores da Rússia, Sergei Lavrov, e o seu homólogo ucraniano, Dmytro Kuleba, aceitaram se reunir em um fórum no Sul da Turquia nesta quinta-feira, naquelas que devem ser as primeiras conversas entre os principais diplomatas de cada país desde a invasão lançada pelo governo de Vladimir Putin ao país vizinho, em 24 de fevereiro.

Poste um comentário

comente aqui..

Anúncio Publicitário

Banner

Anúncio Publicitário

header ads