terça-feira, 26 de janeiro de 2016

Operação Apóstolo: presidente da Câmara de Apodi é preso

Uma operação com apoio das Polícias Civil e Militar de Apodi cumpriu, na manhã desta terça-feira (26), nove mandados de prisão preventiva expedidos pela Juíza de Direito Ana Clarisse Arruda Pereira contra o vereador João Evangelista de Menezes Filho e outras oito pessoas, atendendo pedido do Ministério Público. Participam das investigações oito Promotores de Justiça.
João Evangelista é presidente da Câmara de Vereadores de Apodi e vinha sendo investigado criminalmente por suspeita de desvio de recursos públicos da Casa Legislativa.
No curso das investigações da operação, denominada Apóstolo, interceptações telefônicas realizadas com autorização judicial mostraram uma intensa articulação do presidente da Câmara no intuito de intimidar testemunhas e assim interferir no conteúdo dos seus depoimentos, além de ter destruído documentos que interessavam às investigações.
Diante dessas circunstâncias, o Ministério Público requereu a custódia cautelar do investigado e de outras oito pessoas, que vinham tentando inviabilizar as investigações.

Nenhum comentário:

Postar um comentário