sexta-feira, 12 de fevereiro de 2016

UPAS superlotadas serão a solução?

UPA da Cidade da Esperança no domingo de carnaval
O que se viu pelos noticiários da semana do carnaval foram festas e animação em quase todos os recantos da cidade.
Passou abstrato os bastidores da folia para a grande maioria das pessoas.
Na área de saúde, filas e horas de espera para quem procurou atendimento médico.
As UPAS da Região Metropolitana de Natal ficaram lotadas e receberam uma procura recorde, agravada pela limitação imposta no hospital Clóvis Sarinho. Depois da "crise das escalas", o maior pronto-socorro do estado só atende pacientes referenciados. 
Mas, será que a estrutura dessas UPA's está pronta para tamanha demanda?
Será que a quantidade dos profissionais dessas unidades é suficiente para tanta procura?
Pensando bem, as UPAS vieram para ajudar no atendimento, não para receberem sozinhas a carga dessa desenfreada procura.

Nenhum comentário:

Postar um comentário