quarta-feira, 23 de março de 2016

ANA oferece ao RN R$ 4 mi para monitoramento hídrico

O potiguar Paulo Varella, diretor da Agência Nacional de Águas, esteve hoje (23) com o governo do RN para disponibilizar a oportunidade do Estado receber até R$ 4 mi  ao aderir ao Programa Federal QUALIÁGUA.
Na prática, o RN deverá fazer o dever de casa, ou seja, monitorar  63 pontos, entre açudes, lagoas, poços e rios perenes para uma radiografia mais precisa da sua situação hídrica. 
Para cada ponto com metas atingidas, pré-definidas pela ANA, o Estado poderá receber R$ 1,1 mil. 
“Achamos importante que os recursos hídricos sejam geridos através de uma gestão integrada e descentralizada, onde o Estado tenha o conhecimento de quais são os problemas da água e assim, planejar ações para solucioná-los”, disse o Diretor de Gestão de Recursos Hídricos da ANA, Paulo Varella. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário