terça-feira, 5 de julho de 2016

Salários do senador Agripino ultrapassam teto constitucional, diz MPF/RN

O Ministério Público Federal no Rio Grande do Norte (MPF/RN) acredita que o senador José Agripino está recebendo salário além da conta. 
Por isso, ingressou com uma ação cobrando que a União inclua os R$ 30.471,11 recebidos mensalmente pelo senador, a título de “pensão especial de ex-governador”, na base de cálculo de seu teto salarial, uma vez que o político já recebe R$ 33.763 de subsídio pelo cargo no Senado. 
As duas fontes totalizam R$ 64.234,11, valor 90,2% acima do limite constitucional, que atualmente é de R$ 33.763.

Nenhum comentário:

Postar um comentário