quarta-feira, 31 de agosto de 2016

Antes da votação, PT reconhece derrota e tenta salvar Dilma da inelegibilidade

O presidente do STF, Ricardo Lewandowski, analisa agora o pedido do Partido dos Trabalhadores sobre a separação dos atos de impeachment ao de perda dos direitos políticos.
Com essa solicitação, o partido reconhece a derrota e avisa que Dilma quer continuar na vida pública.

Nenhum comentário:

Postar um comentário