terça-feira, 2 de agosto de 2016

Assessor de Teori é exonerado do cargo após assinar manifesto a favor de Lula

O assessor Manoel Lauro Volkmer de Castilho foi exonerado do cargo de assessor técnico do ministro Teori Zavascki, relator da operação Lava Jato. 

Ele assinou o abaixo-assinado encaminhado ao Supremo Tribunal Federal (STF) em apoio à estratégia da defesa do ex-presidente Lula de recorrer ao Comitê de Direitos Humanos da Organização das Nações Unidas (ONU).

Teori Zavascki afirmou, nesta terça-feira (2/8), que o pedido pela exoneração foi feito pelo próprio assessor e que ele aceitou até para evitar a dúvida da isenção das pessoas que atuam no gabinete. “Eu compreendo as razões pelas quais ele assinou este manifesto. Ele foi consultor-geral da União, mas para evitar constrangimento ele tomou a iniciativa de pedir exoneração do cargo e eu aceitei.“, disse.

Segundo o manifesto, Lula sofre “verdadeira caçada” por parte das “elites e oligarquia”, que, com o “apoio da grande mídia”, não se conforma com a ascensão da esquerda ao poder.
Fonte: Jota

Nenhum comentário:

Postar um comentário