sexta-feira, 20 de janeiro de 2017

Justiça do DF determina que Rodrigo Maia se abstenha de concorrer à reeleição

A 15ª Vara Federal do Distrito Federal determinou que o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, se abstenha de concorrer à reeleição. 
A decisão é do juiz federal substituto Eduardo Ribeiro de Oliveira.

Disputa
A eleição para presidência da Câmara dos Deputados está marcada para 2 de fevereiro.
Além de Rodrigo Maia, outros três deputados já se lançaram pré-candidatos: Rogério Rosso (PSD-DF), Jovair Arantes (PTB-GO) e André Figueiredo (PDT-CE). 
Rosso e Jovair integram a base de apoio do presidente Michel Temer, enquanto Figueiredo faz oposição ao Palácio do Planalto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário