quinta-feira, 16 de fevereiro de 2017

Polícia Federal, em nova fase da Lava Jato, investiga propina em Belo Monte

A Polícia Federal deflagrou hoje (16/2) a Operação Leviatã, para investigar esquema de pagamento de propinas a dois partidos políticos, por parte de empresas integrantes do consórcio construtor da Hidrelétrica de Belo Monte. 

Policiais federais dão cumprimento a seis mandados de busca e apreensão, expedidos pelo Ministro Edson Fachin do Supremo Tribunal Federal, referentes à Inquérito instaurado a partir de provas obtidas na Operação Lava Jato. 

Estão sendo cumpridos mandados de busca e apreensão, no Rio de Janeiro/RJ, em Belém/PA e Brasília/DF, nas residências dos investigados e escritório de trabalho. 

Entre os alvos da operação de hoje, estão o ex-senador pelo Pará Luiz Otávio e o filho do senador Edison Lobão (PMDB-MA), Márcio Lobão.

Os investigados, na medida de suas participações, poderão responder pelos crimes de corrupção, lavagem de dinheiro e organização criminosa. 

Devido a segredo de justiça, a Polícia Federal esclarece que as informações se restringem à nota. Não haverá coletiva de imprensa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário