Prefeitura do Natal

Prefeitura de Parnamirim

sexta-feira, 12 de janeiro de 2018

MDB deve apoiar o pacote fiscal do governo Robinson

Auditoria na folha da UERN
O secretário Cristiano Feitosa, Secretaria da Administração e Recursos Humanos, está de olho na folha de pagamento da Universidade Regional do Rio Grande do Norte – UERN.  E, para ter acesso à dita, usou o recurso da auditoria de controle.
A auditora geral do Estado, Débora Cristiane Barreto de Souza, foi designada para esmiuçar a folha dos professores da Universidade.

RN Urgente
A Assembleia Legislativa abre as portas nesta quinta-feira (11) para iniciar a votação, em sessão extraordinária, de 18 matérias do RN Urgente – nome dado pelo governo ao pacote de Ajuste Fiscal que chegou ao Legislativo potiguar. 

Custo Zero?
Pela sessão extraordinária, os deputados estaduais não receberão qualquer tipo de subsídio em caráter indenizatório, o que é vedado pela Constituição Estadual.

Uma aspa aqui
Se depender do senador Garibaldi Filho (MDB), o seu partido votará a favor do RN Urgente, urgente. Ele alega que a situação pode parecer ruim para os servidores, mas, pior é ficar sem receber nada, disse. “Para a sobrevivência dos próprios funcionários, é pela aprovação”.

Marketing
Esse é certamente o discurso que o governo quer passar para a opinião pública potiguar quando criou o RN Urgente.  O secretário Cristiano Feitosa chegou a afirmar que esperava que essa mensagem tivesse sido entendida pelos deputados.
Saravá!!!!

Pega que o filho é teu...
Os servidores das empresas com recursos próprios como o IDEMA e o DETRAN, estão defendendo a volta dos aposentados para suas respectivas folhas de pagamento, como no passado.
Eles alegam que algum “gênio” modificou as regras do jogo e levou os servidores para o IPERN. Resultado: estão sofrendo com o atraso salarial enquanto a ativa recebe pontualmente.

Duodécimo
A propósito, a ideia do governo é fazer com que os chamados “poderes”: TCE, TJ, MPRN e Assembleia assumam os pagamentos de seus aposentados e pensionistas que estão na folha do IPERN com super-salários.  

Eleições 2018
          O senador Garibaldi Filho disse ontem em entrevista à FM 96 que é candidatíssimo ao senado. “Embora tenha gente que queira me aposentar, irei para  disputar a reeleição”, falou bem humorado.
          Já a parceria com as candidaturas dos postulantes, ex-senador Geraldo Melo (MDB) e atual José Agripino (DEM), Gari disse que não pode afirmar nada.  “Devemos apostar nas pesquisas, não só no sentimento de fidelidade e correção com os companheiros”.  

Tribuna do Norte de 11 de janeiro


Nenhum comentário:

Postar um comentário