Home

GOVERNO DO RN
Bicampeão mundial (da seleção brasileira de 1958 e 1962) e ídolo da torcida alvinegra, Nilton Santos morreu na tarde desta quarta-feira. Ele estava internado desde sábado, com pneumonia numa clínica da Zona Sul do Rio. Nilton Santos começou a passar mal na sexta-feira, com aceleramento dos batimentos cardíacos e insuficiência respiratória.

Nesta segunda, 25, porém, os médicos diagnosticaram o quadro de pneumonia e Nilton iniciou tratamento com antibióticos. No final da tarde, ele apresentava uma pequena melhora em seu estado geral, mas não resistiu e morreu nesta tarde.

Nilton vivia há seis anos na Clínica da Gávea, também na Zona Sul do Rio, num quarto tomado por objetos com o escudo do Botafogo, clube que defendeu nas décadas de 40, 50 e 60. Ele morreu aos 88 anos. Sofria com o mal de Alzheimer e sua distração era receber a visita de velhos amigos. No sábado, após passar mal, foi levado para outro local – a família pediu que o nome da clínica onde ele está internado não fosse divulgado.

O ex-jogador contou nesses últimos seis anos com a ajuda de botafoguenses ilustres e do próprio Botafogo, hoje responsável pelo pagamento das despesas na Clínica da Gávea.

fonte:Correio do Brasil

Poste um comentário

comente aqui..