Home

GOVERNO DO RN
A atriz Léa Seydoux, na capa da nova Lui
A revista masculina francesa Lui, fundada em 1963 e que marcou época na revolução sexual até fechar as portas em 1994, vai renascer em plena era digital.

A revista foi criada por Daniel Filipacchi e mostrava modelos anônimas e famosas, como Brigitte Bardot, Sofia Loren, Jane Fonda, Catherine Deneuve e Isabelle Huppert.

No final a revista apelou para um modelo de fotos mais escandalosas, mas nem assim sobreviveu à era do vídeo e fotos gratuitas na internet que acabou com muitas publicações do gênero no mundo inteiro.

Vinte anos após a sua desaparição, a revista vai voltar pelas mãos do publicitário Frédéric Beigbeder.O primeiro número saiu com 200 páginas e um preço de 2,90 euros (aproximadamente R$ 9).
 
fonte:Estadão

Poste um comentário

comente aqui..