Home

GOVERNO DO RN
Tem alguém com saudades. Se tiver...
João Goulart (Jango), que foi deposto pelo Golpe Militar em 1964 (foto: Agência Estado)
 Após a Ditadura ser instaurada no Brasil, em 1964, diversos atos institucionais foram emitidos.
    Foi a partir do 5° ato, conhecido como AI-5 -- que completa 45 anos hoje --, no entanto, que a repressão se aprofundou e o período mais duro do regime militar teve início.
    Em 13 de dezembro de 1968, durante o governo do general Costa e Silva, com o estabelecimento do AI-5, tinham fim os "Anos Dourados" no Brasil, que davam lugar aos "Anos de Chumbo".
    A norma, que dava "poderes extraordinários" ao Executivo, estabeleceu o fechamento do Congresso Nacional, ao mesmo tempo que suspendeu diversas garantias constitucionais, como o direito de habeas corpus nos casos "de crimes políticos, contra a segurança nacional, a ordem econômica e social e a economia popular".
    Em um ano de grande agitação política, em que movimentos estudantis saíram às ruas em diversos países, ficava proibido no Brasil o protesto, além do estabelecimento da "liberdade vigiada", assim como o aumento da censura.
    O AI-5, que foi seguido por outros 11 atos, teve fim em 17 de outubro 1978, quando foi promovido o AI-11, sob o governo de Ernesto Geisel. Alguns estudiosos apontam que a revogação do ato marcou o início da queda da ditadura - que teve fim, de fato, em 1985. (ANSA)

Poste um comentário

comente aqui..