Home

GOVERNO DO RN
Em um novo livro, o papa Francisco credita a uma freira o fato de ter salvo sua vida quando ele tinha 21 anos e fora atingido por uma doença grave.
O livro, "I Fioretti di Papa Francesco" (as pequenas flores do Papa Francis), é escrito pela jornalista Andrea Tornielli, do Vaticano.
O livro inclui uma anedota sobre a gratidão do pontífice para com as freiras que cuidavam dele no hospital, quando ele era um jovem, de acordo com trechos publicados no Vaticano Insider.
"Estou vivo graças a elas. Quando eu tive o problema com meus pulmões, no hospital o médico me deu penicilina e antibióticos em doses certas", disse o papa. "A freira que estava na enfermaria triplicou [dosagem], porque ela tinha uma intuição, ela sabia o que fazer, porque ela estava com o doente durante todo o dia", escreveu Francisco.
O papa fará 77 anos em 17 de dezembro. 

Poste um comentário

comente aqui..