Home

GOVERNO DO RN
Autoridades jordanianas estão dispostas a libertar um terrorista suicida condenado em troca da libertação de um jornalista japonês e um piloto jordaniano detido por Estado Islâmico (Isis), informou uma agência de notícias japonesa.
A afirmação, feita em entrevista à Kyodo News por dois membros do Parlamento da Jordânia, suscita esperanças de que Kenji Goto, um jornalista freelance que tem estado sob ameaça de execução por parte do grupo terrorista islâmico por quase uma semana, seja libertado, apesar da oposição dos EUA
O enviado do Japão na região, o vice-chanceler, Yasuhide Nakayama, deu mais motivos para otimismo quando disse que esperava Goto e seu companheiro de cativeiro, First Lt Muath al-Kaseasbeh, voltassem para casa "com um sorriso em seus rostos".

Poste um comentário

comente aqui..