Home

GOVERNO DO RN
O Diário de Pernambuco, jornal mais antigo em circulação na América Latina, está em crise.
Atendendo determinação do sócio majoritário, Hapvida, a diretoria demitiu 135 funcionários, dos quais 20 eram da redação.
O assunto foi debatido hoje na Assembleia Legislativa de Pernambuco pelo vice-líder do governo, deputado estadual Lucas Ramos (PSB). “Não lamentamos apenas por aqueles que não têm mais seus empregos. Não é só o jornal Diário de Pernambuco que perde. A sociedade como um todo certamente sentirá o impacto da perda de profissionais de referência, tanto pela qualificação quanto experiência”, avaliou Ramos.
Com informações do Blog de Jamildo

Poste um comentário

comente aqui..