quinta-feira, 27 de dezembro de 2018

Noticias do judiciário potiguar

Mudanças...
O Anteprojeto de Lei Complementar que Regula a Divisão e a Organização Judiciárias do Estado do RN, e aguarda avaliação da Assembleia Legislativa, não agradou a todos os magistrados da Corte potiguar.

O desembargador Cláudio Santos pediu para que fossem promovidas reuniões para melhor análise dos temas que sofrerão mudanças. Foi voto vencido.


... e produtividade
O Pleno do Tribunal de Justiça do RN, reunido no dia 12 de dezembro, aprovou por unanimidade resolução que concede Prêmio por Gestão e Produtividade aos servidores do Poder Judiciário. O valor deve chegar a R$2 mil.


Posse e metas
Falar nisso, no dia 07 de janeiro de 2019, às 18h, tomará posse como novo presidente da Corte, o Desembargador João Rebouças, para o biênio 2019/2020.

Rebouças deve melhorar a posição da Corte perante suas congêneres país afora. O TJRN foi o segundo pior entre todos os tribunais do país no Ranking da Transparência, avaliação feita pelo Conselho Nacional de Justiça.
Saravá!!!!


Será que é golpe?
A Procuradora-Geral da República, Raquel Dodge, emitiu pareceres contrários aos dispositivos da CLT cuja redação foi dada pela lei 13.467/17 – reforma trabalhista.
O ex-deputado Rogério Marinho protestou.

Tribuna do Norte, 27 de dezembro

Nenhum comentário:

Postar um comentário