sábado, 18 de janeiro de 2020

Bolsonaro sanciona Orçamento com fundo eleitoral de R$ 2 bi

Resultado de imagem para bolsonaro orçamento
O presidente Jair Bolsonaro sancionou sem vetos nesta sexta-feira a Lei Orçamentária Anual (LOA) de 2020, que contém o controverso fundo de R$ 2 bilhões para financiamento de campanhas.
Em linhas gerais, segundo o G1, o orçamento deste ano ficou assim:
Ministério da Saúde: R$ 135 bilhões;
Ministério da Educação: quase R$ 103 bilhões;
Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações: R$ 11,794 bilhões;
Ministério da Justiça e Segurança Pública: R$ 13,9 bilhões;
Ministério da Defesa: R$ 73 bilhões;
Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos: R$ 637 milhões;
Ministério do Turismo: R$ 1 bilhão;
Bolsa Família: quase R$ 30 bilhões;
Previdência: inicialmente, a previsão é gastar R$ 677 bilhões, o que pode resultar num rombo, apenas no INSS, de R$ 241 bilhões. Mas, com o aumento do salário mínimo anunciado nesta semana por Bolsonaro, o gasto com a Previdência deverá ser maior;
Despesas com pessoal: R$ 344 bilhões.

Nenhum comentário:

Postar um comentário